Depois da bonança, regressa a tempestade

06-02-2015 12:17

 

A Junta de Freguesia de Aldeia Viçosa foi informada que está a correr (mais) um processo de injunção em tribunal. O requerente do processo é a Joalto / Transdev que requer a penhora de bens para pagamento de várias faturas que perfazem uma dívida de 17.264,41€ (mais de dezassete mil euros). A dívida real é de 8.279,56€ à qual acrescem 7.274,20€ em juros. 

A oito faturas em pagamento datam de entre 1998 e 2004 (!!!). Estamos a diligenciar no sentido de averiguarmos origem das mesmas.

Ao não ter respondido ao pedido de injunção, o anterior executivo aceitou a dívida e nada contrapôs, agora...

Trata-se de uma dívida que o atual executivo desconhecia e que vem avolumar a lista de credores e de dívidas da freguesia. Lamenta-se esta situação, até pela ligação desta empresa à nossa freguesia. Estando agora nas mãos de outros proprietários, vai tornar-se mais difícil de fazer a sua gestão.

É mais uma herança vergonhosa.